PUBLICIDADE

sábado, 27 de agosto de 2011

Atenção pro prazo de validade de alimentos dentro do refrigerador, freezer e congelador

É impressionante como é comum ouvir casos de intoxicação alimentar, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), 30% da população já sofreu de intoxicação alimentar por consumir produtos vencidos.
Por isso, nada de deixar os alimentos na geladeira por vários dias, achando que vão ficar conservados para sempre. Nem sempre os sinais de que o alimento está deteriorando e estragando são visíveis e isso pode fazer mal para sua saúde, pois pode causar alguma intoxicação.
Ao comprar um alimento fresco, você se preocupa com a sua aparência, pois é ela quem revela se o ingrediente está adequado para o consumo.
Por isso, observe o prazo máximo que os alimentos ficam conservados na geladeira:
- vegetais: de 3 a 4 dias,
- verduras: 2 dias,
- massas: de 3 a 5 dias,
- arroz: 1 semana,
- peixes: 2 dias,
- carnes: de 3 a 5 dias,
- molhos e caldos: 2 dias,
- sopas e ensopados 3 a 4 dias.
No entanto, no caso de alimentos industrializados, principalmente os que necessitam de refrigeração, além da aparência existem outras preocupações fundamentais.
  • Quando for descongelar produtos que estão no freezer, coloque-os dentro da geladeira, pois o degelo deve ser gradual. Nunca os deixe em contato com a temperatura ambiente, já que tal atitude pode resultar em uma rápida deterioração.
  • O uso do microondas só está liberado se você for consumir o produto logo após o degelo;
  • Alimentos descongelados e “recongelados” perdem água e com ela nutrientes, portanto retire da geladeira somente o que você vai usar naquele momento;
  • Desde 1980, há uma lei vigente que exige das indústrias brasileiras de alimentos que estampem, de forma visível nas embalagens, informações fundamentais do produto, como datas de fabricação e validade, peso e lote.
Até a data de vencimento, as empresas garantem as características que podem ser percebidas pelo consumidor, por meio dos sentidos humanos. Após esse período, o fabricante pode se isentar de qualquer responsabilidade sobre o alimento consumido.
No supermercado
Preste atenção nas promoções! Geralmente os produtos ofertados estão perto da data de vencimento, portanto compre somente o que realmente vai ser consumido dentro daquele período;
Confira sempre a temperatura das geladeiras. Para produtos congelados a temperatura ideal é de -18ºC e para refrigerados é de 8ºC;
Quando for escolher congelados, preste atenção na embalagem. Se estiver amolecida, umedecida ou com pedras de gelo na parte de baixo, deixe o produto no supermercado. Essas características podem significar que houve alteração na temperatura ideal do produto;
Deixe os refrigerados para o final das compras e, de preferência, transporte-os dentro de uma bolsa térmica direto para a sua geladeira. Esse trajeto deve ser feito em um período máximo de 30 min.
Se for possível compre os refrigerados e congelados de 15 em 15 dias assim você corre menos risco de comprar um produto e não poder consumi-lo devido à data de validade.
Ocupe no máximo 75 % da capacidade de seu congelador. Nunca “lote” completamente, porque assim o ar não terá espaço para circular.
Confira a seguir o prazo de validade dos alimentos congelados, com todos os cuidados de higiene e limpeza:
  • Pudins cremosos/Maria moles – 2 meses
  • Canjica e arroz doce – 3 meses
  • mousses e charlottes – 3 meses
  • Rocambole e pavês – 4 meses
  • Suspiros – 4 meses
  • Docinhos de festa – 4 meses
  • Baba de moça/papo de anjos – 4 meses
  • Compotas e geléias – 6 meses
  • pratos prontos em geral – até 3 meses
  • peixes e frutos do mar – até 1 mês
  • peças de carne e aves assadas – até 2 meses
  • fatias de carne e aves em pedaços – até 1 mês
  • ensopados e guisados sem carne de porco – até 3 meses
  • ensopados e guisados com carne de porco – até 2 meses
  • pratos à base de vegetais – até 3 meses
  • recheios – até 1 mês
  • sopas – até 4 meses
  • molhos de tomate e caldos – até 6 meses
  • molhos branco – 2 a 6 meses
  • salgadinhos – até 3 meses
  • pratos com carne moída – até 2 meses
  • pratos com frios – até 1 mês
O congelamento, obtém-se nos congeladores dos refrigeradores de 2 ou 3 portas e nos freezer convencionais, cuja temperatura varia de -18°C a -25°C (negativos) que bloqueia a ação enzimática e bacteriana.
O congelamento é rápido, no máximo em 2 horas, e a formação de micro cristais não danificam a estrutura dos alimentos.Estas temperaturas tão baixas bloqueiam a ação enzimática e bacteriana garantindo com segurança a preservação dos valores nutritivos e as características dos alimentos estocados.

Cuide de suas persianas e tenha o sol o ano inteiro na medida dentro de casa

Não é de hoje que alergistas recomendam a instalação de persianas ao invés de cortinas, nesses dias secos temos que evitar ao máximo os fatores alergênicos.
Após a instalação das persianas, alguns cuidados são necessários para garantir a sua beleza e durabilidade.
Ao efetuar a limpeza periódica das lâminas de sua persiana, faça-o sempre no sentido longitudinal da mesma.
Abra totalmente sua persiana antes de fazer o recolhimento das lâminas.
Para fazer a limpeza periódica de sua persiana, utilize sempre o aspirador de pó ou um espanador.
No caso de falhas no funcionamento dos produtos, ligar imediatamente para a rápida realização dos devidos reparos.
As lâminas das persianas devem sempre ser inclinadas na posição perpendicular à janela antes de serem recolhidas (lateralmente no caso das verticais e para cima no caso das horizontais).
Dicas de limpeza
Com o passar do tempo os ácaros, pó e mesmo a poluição do dia-a-dia, vão se decompondo e acumulando em torno de pequenos detalhes de suas persianas, às vezes imperceptível aos seus olhos.
Para que não aconteça esse desgaste é necessário a limpeza e manutenção de suas persianas para que elas sempre permaneçam limpas e contribuindo assim para um ambiente limpo e agradável.
Ao efetuar a limpeza periódica das laminas de sua persiana. Sentido longitudinal da mesma com vaselina vegetal.
A cada período de 2 a 3 anos, faça a lavagem de sua persiana, o que proporcionará uma maior durabilidade à mesma, não esquecendo que para isso, você deverá contratar uma empresa especializada e idônea.
A lavagem não retira desgaste do tempo(cor amarelada), graxa(parcial), ferrugem(parcial). Obs.: Nas cortinas em fibra natural não aconselhamos a utilização de métodos de limpeza que se utilizam de água, pois as fibras perdem a maleabilidade e textura original. Aconselhamos o método de aspiração.
O emaranhado de cordas e cadarços das persianas internas tem cara de que pode apresentar um problema a qualquer momento.
Nem tudo está perdido quando cessa o movimento de subir ou descer ou se não é mais possível regular o ângulo das lâminas.
A troca por cordas e cadarços novos soluciona os defeitos.
Para realizar a troca dos cadarços, os fios que interligam as lâminas da persiana horizontal, é preciso desmontá-la. Como é um processo mais demorado, não é feito no local.
As persianas internas, apesar de apresentarem um visual de frágeis, duram cinco anos sem necessitar de troca de cordas.
Se durar menos, é porque algum mecanismo não está instalado de maneira correta.
Dicas
Para terminar devemos concentrar-nos nas avarias. Nas persianas manuais, a maior parte das avarias está relacionada com a sobreposição de lâminas que ocorre quando puxamos demasiado depressa a fita de recolha ou quando o deixamos cair com alguma força.
Em qualquer dos casos, ou a lâmina entorta e sobrepõem-se a outra lâmina, ou então parte-se o fio ou fita que puxamos para operá-lo.
Nas persianas elétricas, as avarias já podem ser mais detalhadas e por vezes de resolução mais difícil.
O motor utilizado para operar o eixo pode ser demasiado fraco para o sistema em causa ou simplesmente não projetado para uma utilização superior a X vezes por dia.
Um problema comum é tentar parar a subida ou a descida da persiana com as mãos ou pelo impacto noutro objeto. Isto força o motor e é muitas vezes responsável por termos um motor queimado nas mãos.
Se for comprar um sistema de persiana elétrica com comando, prefira os comandos de parede e não os de mão. Assim evitará ter mais um comando para guardar e se lembrar (dica especialmente útil para casas com crianças).

Cuidado na hora de armazenar os pães

Bactérias e bolor podem surgir nas sobras dos alimentos mal armazenados.
O inverno é a estação fria e ideal para reunir os amigos em casa e apreciar queijos, pães, vinhos e muita conversa boa. Nessa hora é importante ficar atento ao manuseio e conservação dos alimentos.
Na hora de servir
Deve-se prestar atenção aos charmosos utensílios de madeira. O material é naturalmente poroso e com o tempo adquire ranhuras provocadas pelo cortes que podem esconder colônias de bactérias que não saem na lavagem usual.
O alimento quando colocado sobre este utensílio, mesmo que aparentemente limpo, poderá ser contaminado.
Na hora de consumir
O simples uso da mesma faca, repetidas vezes por pessoas diferentes, já pode ser visto como não higiênico, uma vez que propicia a transferência de bactérias de uma mão para outra.
A umidade natural e o calor das mãos aliados aos resíduos de alimentos, faz com que os cabos das facas e utensílios se tornem um foco de bactérias. Nesse caso, também vale à pena oferecer facas e cutelos das linhas Ônix e Ultracorte da Tramontina®, com Microban®.
Na hora de armazenar
Sobraram pães e queijos? Se não armazenar corretamente, esses alimentos podem embolorar muito antes do consumo, o que é um desperdício. Freqüentemente se pensa que o bolor só existe quando é possível vê-lo, mas isso é o que ocorre apenas na parte externa do alimento.
O que há por fora pode, também, haver por dentro de uma forma não visível. Então, aquela prática de cortar o pedaço embolorado e consumir o restante, representa na verdade um grande risco.
Além de lavar as mãos antes de manusear os alimentos, utilizar recipientes com proteção antibacteriana contribui positivamente para a durabilidade do alimento, como é o caso dos potes Moduline da Plasútil ® com Microban, muito mais higiênicos que potes plásticos comuns.
O pão caseiro pode ser conservado por aproximadamente 3 dias, colocando num saco plástico e feche hermeticamente, no freezer até 6 meses (este prazo já foi testado e não apresentou problemas). Se o pão for deixado muito tempo fora da geladeira ele mofa e azeda, dentro da geladeira por mais tempo, mofa e fica ressecado. Se deixar mais tempo no freezer perde o sabor.
Mantenha-o em lugar fresco e arejado. Lembrete: é importante que o pão esteja completamente frio.
Todos os itens com proteção antibacteriana não dispensam os procedimentos normais de limpeza, porém tornam a tarefa muito mais fácil. O ingrediente ativo Microban® é incorporado durante o processo de fabricação, dura por toda a vida útil dos utensílios e é aprovado para uso em contato com alimentos. A proteção Microban® é a limpeza invisível, pois cuida daquilo que você não está vendo, mas está lá. Para identificar os produtos com Microban®, o consumidor deve procurar pelo selo que garante a aplicação.
Em locais muito quentes sugiro o uso de anti-mofo na massa, caso queira comercializar o produto. Na proporção de 10g de propianato de cálcio para 1kg de farinha de trigo.
Ou para uma durabilidade ainda maior o produto na forma liquida que é aplicado com spray na hora que é colocado na embalagem, aliás, um dos métodos mais eficazes.
Excesso de fermento na massa pode levar o pão a ficar azedo, pois parte do fermento não se consumiu durante o processo de cocção da massa.
Limpe com álcool de cereais o local onde fará a embalagem do pão. Passe o mesmo na mão antes de manipular.

quarta-feira, 24 de agosto de 2011

O clima seco favorece a dor de garganta que precisa ser tratada para evitar complicações

Com o inverno, a escassez de chuvas deixa o clima mais seco, aumentando assim os casos de alergias respiratórias, gripes e resfriados, pois os vírus e bactérias se proliferarem com mais rapidez. Uma das partes do corpo humano que mais fica comprometida neste período é a garganta, a problemática pode acontecer de várias formas, atinge especialmente as crianças e provoca febres e dores.
Durante uma gripe ou resfriado, normalmente ocorre a obstrução nasal, que faz com que os indivíduos respirem pela boca. Respirando desta forma o ar não é aquecido, filtrado e umidificado chegando “impuro” na garganta, gerando algumas doenças como amigdalite, faringite e laringite.
A amigdalite pode ser ocasionada por bactérias ou vírus, consiste em uma inflamação nas amígdalas, localizadas na entrada do tubo digestivo e respiratório, que tem a função de proteger e combater as bactérias e vírus, fazendo com que o sistema imunológico produza anticorpos contra outras infecções.
Entre os sintomas estão inchaço, vermelhidão, placas esbranquiçadas, úlceras na superfície, dor ao engolir, dor na garganta – que pode estender-se para os ouvidos, febre alta, sensação de mal-estar, dores de cabeça e vômitos. Na amigdalite viral não há formação de placas brancas e secreções purulentas nas amígdalas.
O tratamento da amigdalite bacteriana é feito com antibióticos, já na viral não é possível este tipo de medicação, pois a doença possui um ciclo próprio e necessita apenas de medicação para alívio dos sintomas, como antitérmicos e analgésicos. Em alguns casos é necessário uma cirurgia para remoção das amígdalas.
A amigdalite do tipo bacteriana é uma das mais perigosas infecções de garganta, com febres que podem chegar aos 40ºC. As crianças desenvolvem amigdalite quando passam por uma queda na resistência do organismo, variações bruscas de temperatura típicas desta época do ano.

Alguns fatores como animais domésticos, cigarro, apetite diminuído, água gelada e friagem também podem colaborar para o aparecimento da doença. Se não tratada a amigdalite pode trazer serias complicações ao individuo como surdez, problemas nos rins, coração, febre reumática, que lesa o coração de forma grave e pode atingir outros órgãos.
Outra doença comum que ataca a garganta é a faringite, uma inflamação na faringe, que em 95% dos casos é causada por vírus e 5% por bactérias. Os sintomas são os mesmos na faringite viral e bacteriana, sensação de garganta arranhada, dor de garganta, vermelhidão, dificuldade para engolir, febre, inflamação, dor de ouvido e inflamação nos gânglios linfáticos.
Durante o tratamento, analgésicos e gargarejos com água morna e sal várias vezes ao dia ajudam a aliviar o mal-estar. Vale lembrar que os antibióticos não surtem efeitos se a infecção for viral, caso contrário o médico receitará penicilina ou eritromicina para acabar com a infecção.
A garganta também pode ser atingida pela laringite, uma inflamação da caixa vocal – laringe – causada por uma infecção viral das vias respiratórias superiores, em alguns casos acompanha a bronquite, pneumonia, gripe, tosse ou qualquer inflamação ou infecção das vias respiratórias. O uso excessivo da voz, alergias e cigarro também podem provocar laringite aguda ou crônica.
Entre os sintomas estão alterações ou perda da voz, rouquidão, coceira, vermelhidão e inchaço na garganta. Os sintomas podem variar conforme a intensidade da inflamação. Também poderá ocorrer febre, mal-estar, dificuldade para engolir e dor de garganta.
Para alivio dos sintomas da laringite são necessários alguns cuidados como descansar a voz, evitar falar e fazer inalação, para curar a infecção deverá ser receitado antibiótico.
Normalmente as dores de garganta são tratadas de forma leviana, muitos pacientes se automedicam e fazem gargarejos com soluções caseiras que podem ser mais nocivas que benéficas, levando a uma complicação maior. O ideal é procurar um especialista assim que surgirem os sintomas.
A maior parte dos casos de dor de garganta é provocada por substâncias alérgicas como ácaros, corante, poluição, fumo e pólen. Bebidas quentes também podem agredir as vias aéreas superiores.

O que as peles maduras pedem em termos de maquiagem


O tempo vai passando e nossa nécessaire tem que acompanhar as mudanças causadas pelo tempo. Não adianta fugir, é fato que nossa pele perde tônus e algumas rugas aparecem, seja em torno dos olhos ou boca.
Sabemos que hoje em dia temos à mão muitos processos que prometem amenizar o efeito do tempo, mas saber alguns truques e fazer valer o conhecimento acumulado através dos anos, não faz mal a ninguém.
E não é só a textura e tonicidade que mudam, afinal depois de certa idade, temos que tomar cuidado com o brilho e glitter em excesso, pois no final, ao invés de serem aliados de beleza podem se transformar verdadeiros carrascos.
A maquiagem é sempre uma grande aliada na hora de fazer a mulher se sentir mais bonita, mas para isso é necessário saber quais os produtos adequados para cada tipo de pele, e especialmente o que é permitido ou não em cada idade.
A maquiagem para peles mais maduras merece atenção redobrada, porque usar produtos pesados pode fazer a pessoa “ganhar alguns anos” ao invés de perdê-los.
Depois dos 50 anos as mulheres já costumam ter linhas de expressão mais profundas por isso o uso de maquiagem leve, sem exageros, e produtos com toques mais secos são super importantes para rejuvenescer.
Os cuidados já começam na preparação da pele: primeiro é necessário usar um bom tônico de limpeza, a pele higienizada antes da maquiagem faz com que os produtos se espalhem de maneira uniforme e natural, e ainda deixa o rosto com um aspecto mais descansado.
Logo depois do tônico aplicar no rosto um “PRIMER“, uma espécie de creme que contém minerais e ajuda a amenizar as linhas de expressão.
O primer preenche as rugas, é como se ele fizesse uma selagem e promovesse uma “esticadinha” na pele, prolongando o efeito da maquiagem. Hoje praticamente todas as marcas internacionais tem primer.
Para peles mais maduras o uso de bases secas e bases sprays, espalhadas com pincel, dão um resultado muito mais natural e duradouro que as bases líquidas.
A base deve ser espalhada por todo o rosto, colo e até na boca, dessa forma quando o batom for aplicado ele terá mais fixação.
O pó deve ser usado em pequena quantidade, só para dar um toque suave, tirar o excesso de brilho e matizar a “pele”.
O blush não pode ser muito marcado, só deve ser aplicado nas maças do rosto e é preferível usar os opacos e em tons terra.
Com as linhas de expressão e as rugas cobertas chega a hora da sombra, que também deve ser seca ou opaca. A dica nesse caso é nunca usar sombras metalizadas ou cintilantes para não evidenciar imperfeições.
O rímel também é um aliado infalível para levantar o olhar, e uma sobrancelha bem feita ajuda qualquer rosto a ficar mais jovem e bonito. Uma atenção especial na hora de fazer a sobrancelhas completa a maquiagem com chave de ouro: A dica é deixá-las mais grossas, arqueadas e cobrir onde houver falhas.
Na finalização da maquiagem recomenda-se o uso de batons secos que podem ser aplicados até com pincel. A base aplicada na boca no início da maquiagem terá feito uma boa cobertura, e o importante é evitar batons muito cremosos ou gloss, que acabam escorrendo ou marcando os sulcos da própria boca.
Com essas dicas de maquiagem é possível rejuvenescer até 10 anos e sair pronta para arrasar em qualquer ocasião.

Animais de estimação também têm sentimentos que podem ser tratados com os Florais de Bach

Animais de estimação são sensíveis como os seres humanos. Quem tem um amigo especial – seja cão, gato, pássaro, coelho ou outro qualquer – sabe que algumas situações podem afetar o humor e o bem-estar do animal, levando-o a adotar comportamentos anormais.
Para estresse, ansiedade e medo, melhor opção é o calmante natural, Rescue Pet.
Segundo estudos são muitos os sentimentos negativos que influenciam o animal. E, em muitos casos, a origem está no próprio dono. Por conviverem em ambientes urbanos, muitas vezes confinados e diretamente em contato com pessoas, desenvolvem sintomas e emoções muito semelhantes às humanas. E eles merecem atenção e ajuda.
Como não possuem contra-indicação, os Florais de Bach são opções seguras e eficientes para amenizar o sofrimento dos bichinhos. Ministrar Florais de Bach, neste caso, é muito fácil: basta pingar quatro gotas do Floral diretamente na língua do animal, quatro vezes ao dia, ou misturar na água ou comida a mesma quantidade. É importante trocar diariamente os alimentos e a água acrescidos do floral.
Assim como acontece com os humanos, o segredo para o sucesso do tratamento é analisar o comportamento do animal para dar a essência floral correta. Para condições persistentes, no entanto, recomendamos um exame veterinário profissional para evitar erros de diagnóstico.
A seguir, a educadora comenta alguns casos:
Estresse, ansiedade e medo
Conhecido como a “essência do resgate”, o Rescue® Pet pode ser considerado um apaziguador das emoções em situações de emergência ou estresse.
Pensando nos animais, ele pode ser utilizado antes de uma visita ao veterinário; para vencer o medo de barulho alto (fogos, trovões etc.); quando há latido, uivo ou rosnado excessivo; choque, trauma ou maus-tratos; adaptação à perda de um companheiro ou do dono; ansiedade da separação; adaptação a um novo ambiente (casa, canil, estábulo etc.); obsessão de limpeza (muito comum em gatos); lamber-se ou coçar-se constantemente, entre outros casos.
O Rescue® Pet é um floral que ajuda a enfrentar o momento aflitivo com mais equilíbrio. A essência, totalmente natural, atua diretamente sobre as emoções em desequilíbrio, proporcionando uma sensação de segurança e coragem. Ajuda, ainda, os animais de estimação a serem mais tolerantes com os outros animais.
O Rescue® em sua forma Original, já vem sendo usado com sucesso em animais de todas as espécies e portes, (diluído). A sensibilidade ao álcool, presente em alguns deles, fez surgir o Rescue® Pet – que não contém álcool em sua composição. Rescue® Pet pode ser utilizado por répteis; cães; gatos; cavalos; coelhos; pássaros e até peixes.
O uso é simples: basta adicionar quatro gotas na tigela de água ou na alimentação de seu bichinho de estimação. Em animais de porte maior, a dosagem deve ser aumentada em proporção ao peso. Rescue® Pet também podem ser esfregado diretamente no nariz, orelha ou pata do animal. Porém, antes de dar qualquer coisa para seu animal de estimação é sempre importante consultar o seu veterinário.
Em caso de separação do dono
O dono casou-se, viajou ou mudou-se para outra localidade e precisou deixar seu animal com a família ou mesmo com um amigo. No caso de a mudança ser temporária, ou seja, o dono voltará e continuará com o animal, é ideal ministrar o floral Chicory, que trabalhará o desapego do animal ao dono (o proprietário, inclusive, pode tomar o mesmo floral nessa situação).
Caso o dono não possa mais cuidar do animal, passando a visitá-lo com pouca freqüência, os florais indicados são o Mustard e o Walnut. O uso dos dois florais associados permitirá que o sentimento de tristeza profunda dê lugar à alegria (Mustard), e também que o animal adapte-se à nova situação (Walnut).
Em caso de falecimento do dono
Quando o animal perde seu dono e, então, é doado à outra pessoa, ele pode morrer de tristeza caso não seja dada a devida atenção a sua condição. Para esse caso, o floral indicado é o Star of Bethlehem, que faz com que o animal receba o consolo que esse floral proporciona.
Agressividade
Um animal que nunca foi agressivo e passa a atacar pessoas e outros animais, pode estar com ciúmes do dono. Para ele, o floral indicado é o Holly, que trabalha o sentimento do amor contrariado e dos ciúmes.
Animais com agitação em excesso
Animais extremamente agitados, irrequietos, que destroem a casa toda, andam de um lado para o outro podem ser tratados com o floral Impatiens, que ajuda a desenvolver a quietude.
Novo membro no convívio
Para que os animais aceitem um novo elemento no grupo – seja ele da mesma espécie ou não – é importante ministrar o floral Holly, que desenvolverá a aceitação.
Mudança de situação ou ambiente
Seu animal vivia dentro de casa, mas a chegada de um bebê fez com que ele fosse colocado em outro ambiente, como uma casinha no quintal. Para que ele não sinta rejeição, dê a ele o floral será necessário tratar o ciúme de posse com floral Chicory. Para que ele aceite bem a adaptação ao novo local, Walnut.
Mas o que é um Floral de Bach?
O médico inglês Edward Bach, na década de 30, descobriu um sistema universal de cura: os chamados Florais de Bach. A cura, neste caso, não era física, mas sim emocional, afinal, para ele a desordem dos sentimentos e emoções se refletia em malefícios no corpo – uma constatação, atualmente, muito fácil de entender.
Os Florais de Bach são 38 essências feitas a partir de plantas e florais, ‘gotinhas’ que ajudam as pessoas a administrar as pressões emocionais do dia-a-dia e as que surgem motivadas por alguma situação específica – perdas, traumas, etc. Com as emoções em ordem, é possível ter um corpo saudável, livre de qualquer mal.
Bach identificou 38 estados negativos da mente como medo, incerteza, solidão e desalento, entre outros. Para cada estado de ânimo ele encontrou uma planta e criou uma essência floral para tratá-lo.
A chave para receitar as essências é justamente reconhecer como a pessoa está se sentindo e verificar qual essência corresponde com o estado de espírito descrito. É o passo mais importante para equilibrar as emoções. São muitos os relatos de pacientes que, ao tomarem floral, conseguiram controlar seus sentimentos e passaram a aproveitar melhor a vida.
O sistema criado por Bach tem ainda outras vantagens: é totalmente natural, não é algo caro e não têm contra-indicação. Esta forma de tratamento tem sido utilizada, cada vez mais, por terapeutas e pessoas comuns que buscam o equilíbrio com a ajuda de métodos naturais.
AVISO IMPORTANTE: Antes de ministrar qualquer substância a um animal, consulte o médico veterinário.

sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Cuidados extras com as mãos no inverno ou em clima frio e seco

Cuidados redobrados com as mãos nesse inverno, ainda mais com o clima tão seco!
Temporada fria contribui para o ressecamento da pele das mãos, uma das poucas partes do corpo que ficam expostas no inverno.
E acabamos não cuidando também das áreas cobertas, como os pés, por conta do frio e por pensar que ninguém vai ver, afinal nessa época estamos sempre calçando os sapatos fechados ou botas.
Além dos cuidados diários, como hidratação, tratamentos de esfoliação, a utilização de esmaltes podem contribuir para uma aparência mais jovem e bonita de mãos e pés.
Quem nunca ouviu falar que as mãos não escondem a idade de uma mulher? É justamente por este motivo que esta parte do corpo merece atenção redobrada e cuidados especiais. Principalmente no inverno quando ficam constantemente expostas a agressões do frio. Nesta temporada o ar seco, a poluição e o contato com água quente deixam as mãos com aparência ressecada e áspera. Para driblar estes problemas naturais da temporada, o mercado oferece variadas linhas de produtos que prometem cuidar das mãos, deixando-as com aparência jovem e bem cuidada.
Receita de Máscara para hidratar as mãos
Ingredientes:
2 colheres de sopa de aveia
3 colheres de sopa de leite integral
1 colher de chá de mel puro
Modo de fazer:
Coloque duas colheres de aveia em um potinho plástico e acrescente três colheres de sopa de leite. Misture bem a aveia e o leite. Em seguida adicione uma colher de chá de mel. Mexa  bastante com uma colher plástica ou de pau. Agora espalhe a mistura por toda a mão com movimentos circulares para esfoliar. Depois é só lavar as mãos com água fria. E passar um filtro solar.
Para eliminar as células mortas e ficar com a pele renovada, nada melhor que uma boa esfoliação nas mãos. O tratamento é ótimo para revigorar mãos que estão com aparência cansada, seca e sem brilho.
Nada de mãos ressecadas e ásperas durante o inverno. Por este motivo é necessário que se faça, diariamente, uma boa hidratação nas mãos. Uma boa sugestão é o creme que hidrata, suaviza e restaura as áreas ressecadas, evitando a perda da umidade natural da pele.
Manter as unhas pintadas deixa as mãos com aparência bem cuidada e jovem. Para dar mais charme à temporada, que muitas vezes vem acompanhada de dias acinzentados, algumas marcas desenvolvem cores especiais para o inverno. Entre elas ganham destaque as cores ‘chocolamore’, ‘boneca de luxo’ e ‘verde militar’, da Impala; e a ‘azul hortência’ e ‘licor’, da Risque.
E se o ressecamento da pele estiver intenso, experimente aplicar o creme hidratante nas mãos e envolve-las numa luva antes de dormir. Esse procedimento ajuda a pele a resgatar a hidratação e viço.

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Casamento engorda? Conheça as armadilhas da nova vida em favor da balança

É fato que geralmente as pessoas ganham alguns quilinhos depois do casamento, seja pela tranqüilidade e possibilidade de dividir tarefas, momentos de relaxamento, alegrias e tristezas, o que favorece acomodarmos com algumas situações.

É importante saber aproveitar desses momentos e tirar proveito dessa cumplicidade, que pode começar com a organização do cardápio, descobrindo o que um e o outro gosta e como. Assim fica mais fácil atingir um resultado satisfatório sem maiores atropelos.
Estudos feitos na Inglaterra, EUA e no Brasil indicam que o casamento engorda.
O ganho de peso é uma comprovação científica do que os casais costumam perceber na balança. Para recuperar a forma, o jeito é recorrer às dietas e aos exercícios.
A pesquisa inglesa, concluiu que homens e mulheres engordam depois do casamento porque um quer agradar ao outro com comidas saborosas no cardápio.
Outra atividade que o casal pode fazer juntos para botar abaixo essa história de que casamento engorda, é organizar uma série de atividades, como caminhar, correr, dança de salão, academia, natação. Ou em casa mesmo, um alongamento a dois é super relaxante, manda embora as tensões do trabalho e criam uma cumplicidade maior.
Tenha uma vida saudável mesmo que ambos se alimentem na rua diariamente.
Organize as refeições durante a semana com uma combinação colorida de legumes, verduras, grãos integrais, proteínas e frutas. No final de semana, permita-se uma sobremesa mais elaborada e calórica, uma pizza, ou o almoço de domingo na mama ou na sogra.
A época em que as mulheres “prendiam” seus maridos “pela barriga” passou, mas lembre-se que hambúrgueres, pizzas, refrigerantes provocam celulites e gorduras localizadas, sem mencionar as doenças decorrentes desses hábitos alimentares.
Os cuidados com a alimentação requerem alimentos saudáveis e atividade física, mas nada de síndrome de top-model com anorexia!
A verdade é que entre 20 e 50 anos, o aumento de peso representa uma média de 5 kg para os homens e 7,5 kg para as mulheres.
Então temos que encarar com naturalidade o ganho de peso no decorrer da vida, nada de pânico. É importante, no entanto ser feliz, conviver com quem se gosta, família, amigos. Conseguir perceber a felicidade nas pequenas e simples coisas da vida.
Nos Estados Unidos, um trabalho semelhante mostrou que as mulheres engordam mais. A explicação pode estar no metabolismo feminino, que é mais lento e queima menos gordura do que o do homem. Aqui no Brasil, uma pesquisa com mais de 3,5 mil pessoas também comprovou que após o casamento homens e mulheres ganham alguns quilinhos. Isso aconteceu com 91% dos entrevistados casados.
E fundamentalmente, é preciso manter o espírito da conquista. Não relaxar só porque já casou, acredita-se que, como a auto-estima não está mais vinculada ao aspecto físico, perde-se um pouco do freio e um tolera um pouco mais de gordura no outro.
Mas a gordura não vem em quilos e sim em gramas no decorrer da vida a dois, já imaginou o saldo dessa conta no final de 20 anos?

quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Dicas que facilitam a lavagem das roupas


As grandes empresas multinacionais de lava roupas em pó ou líquido constataram que uma das maiores preocupações com a limpeza do lar é em relação ao cheiro das roupas da família da consumidora brasileira. Isso mesmo, a brasileira gosta de roupa cheirosa, macia, alva.
Para ter uma roupa bem limpa é preciso ter alguns cuidados principalmente se elas apresentarem manchas, o que é bem comum.
Peças na cor preta devem ser viradas do avesso para evitar que elas fiquem com aqueles pelinhos brancos. Mas caso aconteça tenha à mão a boa fita adesiva larga, ela ajuda bastante a remover esses pelinhos indesejados.
Utilize produtos de boa qualidade, e se puder optar, os lava roupas líquido agridem menos o planeta, sabe aquele negócio de consumo consciente, nunca é tarde para começar.
Na hora de lavar, separe as peças brancas das coloridas, isso certamente evitará maiores dores de cabeça.
Lave peças de linha ou lã de preferência à mão, assim suas malhas ficarão bonitas por mais tempo e sem aquelas bolinhas indesejáveis.
Ferver a peça de roupa numa mistura de água e pedaços de limão. Além de ficarem brancas, o limão dá um aroma agradável às roupas.
Lave sua máquina de lavar roupas a cada 15 dias com vinagre, encha-a, coloque o vinagre e siga com o ciclo completo. Assim, evita que ela libere particular de sujeira e gordura do amaciante e posteriormente impregne em sua roupa limpa.

O que fazer com as manchas em geral
  • Procure absorver o máximo de líquido com papel absorvente ou algodão. Não esfregar para não espalhar.
  • Aplicar o removedor da mancha em volta dela, indo do exterior para o interior.
  • Colocar um tecido absorvente sobre a mancha.
  • Suprimir auréolas que tiverem aparecido no momento da remoção de manchas com vapor de água: coloque o tecido acima de uma panela de água fervendo.
  • Sempre fazer uma experiência previamente com uma parte do tecido não-visível.
  • Deixar o jeans novo de molho na água salgada por 12 horas, para que a cor se fixe.
O que não fazer:
  • Lavar antes de remover a mancha.
  • Colocar sal em uma mancha de vinho em uma toalha à mesa: o cloreto de sódio queima as fibras da madeira e provoca furos.
  • Utilizar água quente: ela fixa a mancha
  • Lavar jeans e outras calças juntas: manchas vão aparecer
Uma das manchas mais comuns são aquelas amarelas do colarinho e da axila, para resolvê-las, faça uma pasta de vinagre de álcool branco e bicarbonato de sódio, espalhe sobre a parte amarelada da roupa (como colarinho e axila) e deixe descansar por uma hora. Depois, coloque a roupa na máquina de lavar, e verá que a mancha sai bem mais fácil.

Quando a roupa branca começa a ficar amarelada, vale a boa e velha dica da vovó de quarar roupa, para mim ainda é a melhor opção.

A dica é esfregar toda a roupa com sabão de coco, então colocar a peça dentro de um saco plástico, e deixá-la um dia tomando sol, e uma noite tomando sereno.
Assim, a mancha e o amarelado se dissolvem. Depois é só lavar a roupa normalmente, na máquina ou a mão.
Agora temos maquinas de lavar com compartimento especial para lingerie, mas se a sua máquina não é dessas ainda, separe as peças de lingerie e coloque em saco apropriados para essa finalidade, facilmente encontrados em lojas de R$ 1,99.

sexta-feira, 5 de agosto de 2011

Previdência Social INSS – Consulta extrato aposentadoria

Previdência social INSS - consulta extrato aposentadoria
A Previdência Social disponibiliza em sua página na internet uma série de serviços que facilitam e agilizam o andamento de diversos processos ou solicitações feitos ao INSS. No site, aposentados e pensionistas podem se informar sobre as novidades da Previdência, atualizar endereços, obter informações sobre  a concessão de benefícios, a revisão de valores ou até conferir as decisões das câmaras e juntas relacionados a recursos do órgão. Além disso, todos os dependentes da Previdência Social que necessitam de uma cópia da carta de concessão de aposentadoria para apresentar em algum lugar, também podem realizar este serviço pela internet.
Além das consultas e certidões, os aposentados podem obter extratos relacionados ao seu benefício, no site estão disponíveis para visualização e impressão, Extrato de pagamentos de benefícios e Extrato para Imposto de Renda. No primeiro caso, o beneficiado deverá informar nos campos indicados, o número do sue benefício (sem pontos ou barras), a sua data de nascimento, o nome completo e o respectivo CPF, em seguida será necessário digitar o código de segurança presente na página e clicar em “Consulta”.
O objetivo do portal da Previdência Social é fazer com que todos os segurados tenham acesso às informações relacionadas ao vínculo mantido pelo aposentado com o INSS, além de oferecer maior controle sobre todas as operações financeiras realizadas, por parte do beneficiado.
Outro serviço importante fornecido pelo site é a consulta à Tabela de pagamentos do INSS, com todos os meses e os dias em que serão pagos os benefícios aos aposentados. Aproveite as facilidades oferecidas pela Previdência Social, acesse o site indicado abaixo e consulte todos os serviços disponibilizados no site, evite as filas imensas do INSS e resolva todos os seus problemas com o órgão sem sair de casa. Consulte o seu Extrato de pagamentos mensal e acompanhe mensalmente todas as movimentações com o seu benefício.
Consulta de extrato da aposentadoria no site do INSS: www3.dataprev.gov.br/cws/contexto/hiscre/index.html

Como desintoxicar a pele

Como desintoxicar a pele
A pele é órgão de proteção do nosso corpo, ela é a primeira barreira que impede a entrada de microorganismos e poluentes dentro do nosso organismo. No entanto, por possuir essa função, a pele acaba acumulando resíduos prejudiciais e dando origem a um processo de intoxicação que prejudica o seu desempenho normal. De acordo com dermatologistas, a melhor forma de desintoxicar a pele é nutrindo-a com alimentos puros e naturais, além de eliminar todos os resíduos incluindo as camadas de células mortas que são depositadas sobre a pele, você melhorará o aspecto e a elasticidade da mesma.
Banhos quentes acompanhados de massagens, máscaras, esfoliantes e diversos tipos de hidratação, são bastante utilizados e proporcionam resultados positivos para quem opta por essas formas de desintoxicação. Todos esses produtos e receitas naturais podem ser aplicados em casa, levando-se em consideração todos os aspectos estruturais para cada tipo de pele.
Uma das máscaras de hidratação que é bastante utilizada no meio estético é a máscara de argila. Além de limpar e ajudar a eliminar todos os resíduos da pele, faz com que a mesma adquira um aspecto mais saudável. Mas, é de fundamental importância que alguns detalhes sejam observados, quem tem pele seca não deve usar mais de duas vezes por semana e no caso das peles oleosas, a argila pode ser usada em dias alternados.
Outra forma de desintoxicação da pele bastante conhecida é a massagem com gotinhas de óleo de gergelim em todo o corpo. Os efeitos são potencializados quando um plástico ou um papel filme é enrolado no corpo, e em seguida é coberto com uma toalha. Além disso, tomar três xícaras de chá quente ajudará ainda mais neste processo de desintoxicação. Uma alimentação baseada em produtos naturais é essencial para que a nossa pele se mantenha jovem e saudável, sem perder o brilho e o tônus precocemente. Por isso, não deixe faltar no seu cardápio arroz integral, óleo de linhaça, grão de bico, azeite de oliva extra virgem, farinha de linhaça, castanha do Pará, nozes, amêndoas, óleo de macadâmia e suco de clorofila.

Como ter bronzeado perfeito

Como ter bronzeado perfeito
Para você que quer aproveitar o sol para ficar com aquele bronzeado perfeito, fique atento as nossas dicas e saiba tudo o que deve ser feito para ficar com uma cor de arrasar, mas sem prejudicar a sua saúde. Em primeiro lugar, você deve saber que não há como manter a pele saudável e bonita sem utilizar o filtro solar. Pois é, a recomendação dos dermatologistas é que todas as pessoas, independente do tipo de pele, devem utilizar filtros solares com fator de proteção 30 em épocas de verão.
A alimentação é um dos fatores que mais influenciam na beleza da pele, por isso alimentar-se bem e seguir uma dieta rica em anti-oxidantes, é o primeiro passo para obter um bronzeado perfeito. A dica é consumir diariamente 10 porções de alimentos de alimentos ricos em vitaminas, abuse das frutas, verduras e dos legumes, de preferência os mais coloridos. Além disso, antes de ir à praia, lembre-se de beber muito líquido e consumir alimentos ricos em betacaroteno, como o mamão, a cenoura e a abóbora, pois eles ajudarão a manter o bronzeado por mais tempo.
Outra dica importante é hidratar a pele e o organismo, sendo assim, indicamos o consumo de dois litros de água por dia, além da utilização constante de cremes hidratantes. Tomar banhos muitos quentes e longos, esfoliações agressivas e usar sabonetes ou produtos que ressecam demais a pele, são contra-indicados para quem quer ter a pele sempre bonita. Por fim, para garantir um bronzeado uniforme e bonito, é essencial aplicar o protetor solar 30 minutos antes da exposição e reaplicá-lo a cada duas horas ou após o contato com a água.
Respeitar os horários de exposição ao sol é imprescindível, pois ficar muito tempo exposto a radiação solar durante o período compreendido entre as 9 horas da manhã e às 4 horas da tarde, é extremamente prejudicial para a pele.

Lanches saudáveis para homens

Lanches saudáveis para homens
De acordo com pesquisas publicadas nos Estados Unidos, fazer um lanche entre as refeições ativa o metabolismo e pode te ajudar a perder gordura o dia inteiro. Entretanto, esse lanche deve conter os limites de proteína, fibra e gorduras saudáveis para evitar que você sinta fome por uma hora e alcance os resultados esperados. Fique atento e confira uma lista com lanches saudáveis para homens que querem ficar em forma consumindo alimentos saborosos ao longo do dia.
Lanches saudáveis para homens
- Bruschetta: Lanche preparado com baguete, tomates, dentes de alho picados, manjericão fresco, azeite, sal e pimenta.
- Tira de presunto cru enrolado em uma fatia de melão, a associação salgado e doce produz um sabor delicioso.
- Outra opção saborosa é preparada retirando o caroço de algumas tâmaras, recheando cada uma delas com uma amêndoa, um pouco de queijo gorgonzola e envolvendo-as com uma tira de bacon. Em seguida, o aperitivo deverá ser assado a 200 graus por 25 minutos, até que o bacon esteja crocante.
- Uma alternativa gourmet e econômica pode ser feita com 45 g de milho de pipoca sem sal. Em uma tigela e misture-a com alecrim picado, azeite de oliva e parmesão ralado fino.
- Ideal para ser servida durante uma partida de futebol, você poderá preparar um aperitivo feito com 1 colherada de guacamole sobre 1 fatia de peru defumado e enrolar tudo em 1 fatia de queijo suíço.
- Se você gosta de comer algo acompanhado com biscoito ou torradas, coloque 1 pedaço de queijo de cabra direto na grelha e deixe até ficar levemente tostado por fora, aproximadamente dois minutos de cada lado. Em seguida, jogue azeite de oliva e ervas frescas por cima.
- Outra opção que também vai ao forno é uma mistura de sementes de abóbora com azeite de oliva e sal e torreas, que vai ao forno a 190 graus até ficarem inchadas e douradas, por aproximadamente 30 minutos. Para finalizar, acrescente suco de limão e 1 pitada de páprica.

quarta-feira, 3 de agosto de 2011

Veja algumas dicas para enfrentar o tempo seco

Quando o ar está seco, o aumento de problemas com respiração cresce em até 30%, os hospitais ficam lotados, principalmente a ala de inalação, que chega a picos de 50% a mais. O problema pode ser bem mais sério!
O tempo seco que além de incomodar, faz com que apareçam problemas como rinite, asma e bronquite, em alguns casos o problema pode ser ainda mais sério, chegando ao ponto de um infarto ou um AVC.
Casos como de infarto e AVC são causados porque o sangue fica mais denso, entupindo as veias fazendo com que este tipo de acidente fique mais recorrente. Devido a este fato o Laboratório de Poluição da Universidade de São Paulo (USP) chegaram à conclusão que nessa época morrem oito idosos por dia.
Outra consequência de temperatura seca é o acúmulo de poluentes. Gases tóxicos não dispersam na atmosfera, este é o motivo para deixar os olhos com a sensação de ardência e garganta seca, criando o famoso pigarro.
Existem certos tipos de cuidados que devem ser seguidos, como no caso de receitas caseiras, que realmente ajudam a melhorar o clima, assim evitando afetar os pulmões. Uma boa ajuda é colocar uma bacia de água, seja no local de trabalho ou em casa mesmo. A bacia cheia d’água deixa o ambiente úmido, ajudando na respiração.
Veja algumas dicas para combater o tempo seco:
Todos sabem que a baixa umidade do ar afetam mais crianças e idosos, então tenha atenção redobrada a esses dois tipos. Ambos devem beber bastante água (máximo de dois litros por dia), sucos naturais e água de coco.
Evite a poeira, ela faz com problemas alérgicos aparecem, mantenha sempre a higiene doméstica.
Alimentos também trazem problemas, procure os que estão frescos. Evite o consumo de frituras, no seu lugar alimente-se de assados. Troque o queijo amarelo por queijo branco, o amarelo sempre cria fungos.
A bacia de água pode também ser colocada em baixo da cama ou pendure toalhas molhadas, para dormir é excelente! Deixa o local arejado.
Como já sabemos, mas é sempre bom lembrar, a nossa pele também sofre e muito neste período. Evite os banhos com a água muito quente, isso faz com que a pele fique ressecada. Use sempre hidratantes. Problemas com vias aéreas e os olhos, use soro fisiológico para lavar.
Cuidados especiais com crianças
Com o ar seco crianças sofrem mais que os adultos, o que pode acontecer é tosse, coceira no nariz (crianças menores pode ocorrer o sangramento nasal) espirros, falta de ar e garganta seca. A mucosa ocular também sofre, os olhos coçam e podem ficar vermelhos.
O mesmo acontece com a pele, assim como os adultos a pele da criança também sofre. É o mesmo procedimento evite banhos com água muito quente, vento frio e ar seco, eles causam descamações, deixando-as mais expostas a lesões, podendo assim abrir espaço para a entrada de bactérias.
Dicas:
Hidrate, dê a criança água, sucos, chás e sopas. Em alguns casos pode ocorrer de ser feito inalações para aliviar o desconforto respiratório.
Problemas com os olhos? Pingue algumas gotas de soro, faça limpeza para deixar o local úmido.
Caso a pele da criança esteja muito ressecada vá ao pediatra, e pergunte sobre qual loção é indicada para passar.
Higiene na casa, sempre! Passe diariamente um pano úmido no chão e nos móveis, tire de perto da criança tudo o que for de pelúcia, ela pode causar alergias.
Evite sair com a criança entre 10h e 16h, é entre essas horas que o ar está mais seco.

Café da manhã: importante refeição do nosso dia

Todos sabemos que as refeições são importantes para a nossa saúde, mas o café da manhã tem uma importância maior.
Algumas pessoas não têm o costume de tomar café da manhã, mal sabem o mal que isso pode causar a elas, como por exemplo, fraqueza.
Muitas pessoas até tomam café da manhã, mas na correria do dia a dia não conseguem exercer isso da maneira certa.
Algumas boas sugestões de para quem não tem tempo de ter uma refeição completa é comer: frutas, barras de cereais ou de proteína, sucos, leite, queijo branco. Isso vai depender do seu gosto, o importante é começar bem o dia.
Quem toma café da manhã tem uma atitude mais positiva diante da escola e do trabalho, além de um melhor desempenho. Com o tempo você vai perceber melhor desempenho físico e mental, principalmente em seu metabolismo, pois comer logo cedo, trás inúmeros benefícios. Veja alguns deles:
- Nos dá energia para gastarmos ao longo do dia
- Fornece energia para praticar exercícios físicos
- Evita a perda de massa muscular
- Faz com que não haja exageros na hora do almoço
- Faz com que não sintamos tanta fome ao longo do dia
- Ativa o nosso metabolismo
- Evita o depósito de gordura localizada
- Ajuda nas atividades intelectuais
O que comer na hora café da manhã para faze-lo saudável?


Pão integral
Cereais
Torrada com pouca manteiga
Suco natural ou leite;
Um prato com frutas frescas (morangos, laranjas, manga, banana)
Panquecas integrais,
Iogurte natural e fruta seca.
Uma taça de frutas frescas.
Batido de iogurte, fruta congelada e leite magro servido com uma barra de cereais/granola.
Pão integral com queijo branco, ou manteiga.
Café, suco ou leite.

Cuidados para preservar e limpar tapetes

Os tapetes dão um charme a mais no ambiente, mas quem sofre com alergia acusa-os de acumularem poeira e agravarem as doenças respiratórias. Mas o que provoca o processo alérgico não é o tapete, mas sim a sujeira. Por isso, é recomendável limpar semanalmente, com aspirador de pó. Mas se você se preocupa com o uso frequente do aspirador, hoje existe aparelhos com filtros que conseguem reter partículas muito pequenas.
Para uma boa conservação evite que a sujeira chegue ao tapete, limpando bem os pés antes de entrar em casa ou mesmo tirando os sapatos antes de pisar nele. Além disso, é importante lavar a peça em lavanderias especializadas pelo menos uma vez por ano.
Os móveis podem deixar marcas no tapete, seu filamento depende da sua qualidade do fio. Ou seja, as melhores peças têm alta capacidade de voltar à posição original, mesmo depois de um longo tempo sendo pressionados.
Para evitar as manchas, o segredo é usar produtos como PH neutro como: sabão, detergente ou mesmo Shampoo, desde que ele seja neutro. O correto é fazer um pouco de espuma e aplicar sobre o local afetado.
Nunca se deve escová-lo nem fazer limpeza a vapor, pois isso pode prejudicar o material, mesmo feita numa empresa especializada.
Cuidados para preservação…
As dicas de manutenção variam conforme a matéria-prima, mas existem cuidados gerais: Não deixe o tapete exposto ao sol, pois as cores podem desbotar. Atenção aos vasos por perto: a água pode escorrer e mofar o tecido. Nesse caso, é aconselhavel limpar a peça enquanto ela ainda estiver molhada. Não deixe juntar pó: as partículas cortam as fibras nas pisadas, diminuindo a vida útil do tapete. Para que isso não aconteça, passe aspirador diariamente no sentido da trama.
Quando lavar/limpar o tapete?
Lave o tapete a cada dois anos ou sempre que perceber cores opacas, trama endurecida ou ressecada, manchas ou perda de brilho. O serviço deve ser feito por lavanderias especializadas. Caso haja derramamento de líquidos, seque imediatamente. Quase 100% das manchas saem se forem removidas na hora. Primeiro enxugue o local com pano branco seco ou papel toalha. Depois, com uma esponja, aplique a espuma de detergente neutro, limpando de fora para dentro para que a mancha não se espalhe. Use um pano úmido para tirar o excesso do produto e, por fim, passe outro pano limpo e seco.

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

Deixe seu carro limpo por dentro

Limpeza interna do veículo pode atenuar problemas derivados do clima seco, que agrava problemas respiratórios.


Manter um automóvel limpo e cheiroso o tempo todo não é uma tarefa das mais fáceis, entretanto, os riscos que a falta de manutenção do sistema de ar condicionado e o acúmulo de sujeira interna podem trazer para o carro e, principalmente, para a saúde do condutor e dos passageiros pode fazer os proprietários de automóveis reverem alguns conceitos sobre a limpeza interna de seus veículos. Lembrar desse item apenas quando enfrentar uma enchente ou limpar apenas quando for vender o carro pode, além de custar caro – pois muitas oficinas aumentam os preços nessas ocasiões – acarretar problemas maiores à sua saúde.
Muitas pessoas só optam por fazer uma higienização em seus veículos após constatar que o banco está sujo ou algumas peças internas estão ficando amareladas. Isso, além de desvalorizar o automóvel ou dificultar a venda, pois o mesmo perderá valor de mercado, pode prejudicar sua saúde e a dos passageiros que você transporta, quase sempre a sua própria família.
A higienização ajuda a combater problemas com ácaros, fungos, bactérias, cheiros de cigarro, possíveis manchas e outros problemas, como odores derivados de algum líquido (refrigerante, cerveja, suco) que, por ventura, tenham sido derramados no estofamento. Com o clima seco, devido à falta de chuvas e poluição, não realizar uma limpeza adequada pode agravar ainda mais alguns problemas respiratórios, como rinite alérgica, asma, alergia dos olhos e tosses.
Lembrar desse importante item apenas em últimos casos, como na hora da revenda ou, então, caso tenha problemas com enchentes, irá fazer o consumidor gastar mais e esperar mais tempo para ter seu automóvel de volta, já que a demanda aumenta – muito – nessa época.
A limpeza também varia de carro para carro, já que em alguns modelos é necessário retirar algumas peças para fazer o serviço completo. Mas, de modo geral, esse serviço pode demorar de um a dois dias para ser concluído.
O procedimento de higienização interna consiste na lavagem de carpetes, forros do teto e das portas, bancos e outras peças. Tudo isso, sempre supervisionado por um profissional que na hora da montagem irá colocar as peças corretamente em seus devidos lugares, evitando, assim, ruídos desagradáveis causados por peças mal fixadas.
Agora se na sua cidade não tem esse tipo de serviço ou você prefira fazê-lo em casa, ai vão algumas recomendações.
- Tecido (bancos e assentos), utilizar água com sabão liquido.
Para retirar pelos de animais e pequenas sujeiras, use um aspirador ou uma fita plástica enrolada na mão, com a cola virada para fora e pressione sobre o lugar a ser limpo, a sujeira vai colar na fita. Quando sentir que a fita não tem mais efeito, troque por um novo pedaço e continue.
Plásticos (painel de bordo, guarnições das portas e tecidos do teto) utilizar água adicionada com sabão liquido ou excepcionalmente, álcool desnaturado (depois de ter feito um teste numa área não visível).
- Deve evitar-se o mais possível o uso de detergentes que contenham solventes.
- Deve-se limpar sempre várias vezes com um pano macio limpo e evitando molhar demais.
Nunca utilize palhas de aço para limpar os vidros de seu automóvel.
Use limpa-vidros ou álcool com jornal, que não deixa vestígios de fiapos como o pano.
Se o vidro traseiro possui desembaçador, cuidado ao limpar a parte interna.
Jamais utilize produtos abrasivos, nem encoste objetos pontudos ou cortantes, para não danificar os filetes de aquecimento.
O que não se deve fazer quando for limpar a parte externa do veículo:
- limpar a carroceria a seco.
- usar gasolina, querosene ou tira manchas para tecidos na limpeza da pintura, assim como nas peças de plástico.
- raspar as manchas de piche, insetos mortos ou outra sujeira que tenha aderido à pintura.
- lavar a carroceria quente ou ao sol .
- limpar os faróis com panos secos ou abrasivos ou com produtos detergentes ou solventes.
- deixar acumular sujeira na carroceria.
- andar freqüentemente na lama sem lavar as partes de baixo do veiculo e o interior dos pára-lamas.
- as peças em plástico não deverão ser polidas.
- usar produtos que contenham silicones.

Cuidando dos animais de estimação no inverno

Época de inverno, então, tenha cuidado com o seu animal de estimação. É preciso ter alguns cuidados especiais.
Os animais também sentem frio e podem ter doenças típicas do inverno, como a Tossi Canis, que é aquela tosse seca e que piora os exercícios físicos que o animal possa fazer. Em casos mais graves há secreção nos olhos, coriza, falta de apetite e febre.
Você não terá muito trabalho para evitar esse tipo de problema, é só não deixar seu animal tomar friagem e chuva. Mantenha-o protegido com roupas, cobertores e prepare um bom lugar para dormir. Atenção redobrada com filhotes e animais mais velhos, o sistema imunológico deles é debilitado.
Não tose seu animal até deixar a pele exposta, o pelo tem a função de protegê-lo. No banho, faça um ambiente em que a temperatura ambiente fique controlada e seque-o totalmente antes de sair. No caso de cachorros com os pelos curtos coloque roupas com gola fechada e que cubra o corpo do animal, em pet shops já existe.
Um cuidado especial no banho é com os ouvidos, evite que a água entre.
O tratamento para gripe é feito a base de xaropes que alivia a tosse e é anti-inflamatório.
Tome cuidado com gatos, se eles não são acostumados a dormir dentro de casa, durante o inverno eles dormem dentro do motor do carro, cuidado ao ligar você pode acabar machucado ou até mesmo matando o animal. Simples, antes de ligar o carro bata no capô, assim o animal se assusta e sai.

A alimentação ajuda a combater o stress e a manter a pele hidratada

Quem aqui já não ouviu que pelo fato de estar estressada a pele naturalmente fica sem viço, ressecada. É fato, afinal nosso organismo é uma maquininha muito precisa, e para ter a pele bonita mesmo sob essas condições (inverno, stress, ansiedade), é bom adotar alguns hábitos.
Estudo realizado pela consultoria da Nielsen concluiu que 67% mulheres brasileiras se consideram estressadas na maior parte do tempo. A pesquisa, realizada em todo mundo, ouviu somente no Brasil 318 mulheres.
O estresse é a reação do organismo a em resposta aos estímulos externos. A ansiedade é um dos desencadeadores do quadro clínico. Quando o estresse se estabelece o sistema imunológico do indivíduo reage de forma ineficaz, podendo assim, levar a doenças mais graves como a depressão. Então para diminuir o impacto do stress, dedique um tempo do dia a você, para fazer coisas prazerosas, que seja um simples banho tranqüilo e relaxante.
Outro fator que pode nos deixar estressada também é a textura da pele que tende a ficar mais ressecada, áspera, chegando até a coceira. Para evitar o risco do ressecamento natural da pele típico da estação, os especialistas indicam itens para uma alimentação saudável que mantém o corpo e a pele em dia para enfrentar o frio
Alguns alimentos podem amenizar os efeitos do ressecamento causados por baixas temperaturas do inverno, ventos frios e secos e principalmente pelos banhos quentes.  Confira os itens para uma alimentação saudável que ajuda na hidratação da pele e do corpo e ainda contribui para manter hábitos saudáveis durante todo o ano.
A alimentação é um fator ideal para manter a pele hidratada. É fundamental a ingestão de legumes, hortaliças, frutas que são fontes de vitaminas e minerais que neutralizam radicais livres, cereais integrais que contêm fibras que melhoram o funcionamento do intestino, carnes e laticínios magros que são fontes de  proteína e ajudam na construção de tecidos.
Alguns exemplos de alimentos para a estação são as frutas  ricas em vitamina C, como morango, framboesa, laranja, mexerica, limão, cereja, goiaba e outros vegetais como as verduras verde-escuras, brócolis, repolho, cenoura etc.
Essas opções são ricas em antioxidantes que combatem os radicais livres  e também são fundamentais na produção de colágeno (a proteína que mantém a pele saudável e dá sustentação às células).
No inverno, como é comum as pessoas deixarem de tomar  água, o resultado é a pele seca, constipação e outros problemas mais graves, como cálculos renais e hipertensão. Um corpo hidratado apresenta uma pele macia e elástica. É importante lembrar que nada substitui a água.
Outro alimento importante que pode ser incluído na alimentação de várias formas é a soja.
A pele possui receptores para as isoflavonas (presente nesta leguminosa) e elas são decisivas para evitar o ressecamento e melhorar a elasticidade.
Além da soja, temos outros alimentos que contribuem para a elasticidade natural da pele como: castanhas, nozes e amêndoas, que são ricos em vitamina E, selênio e antioxidantes.